segunda-feira, 17 de outubro de 2016

"Elas se Tornaram Canção" — "Madalena", Martinha da Vila

Em mais um título da nossa série "Elas se tornaram Canção", trazemos um "sambão" daqueles, que consagra uma exaltação a um dos nomes mais populares no Brasil:


"MADALENA DO JUCU", um dos maiores sucessos do sambista Martinho da Vila, canta os encantos de uma certa morena, cuja formosura arrebatava a rapaziada da Barra do Jucu, balneário de Vila Velha, no Estado do Espírito Santo. Conta-se que, ao som do Congo (ritmo tradicional da região), não tinha para ninguém além de Madalena, o que fez com que um jovem rico contrariasse seus pais e se casasse com a morena. Aliás, a essa canção foi composta justamente a partir de uma carta-declaração do "sortudo", que viveu uma longa história de amor com a rainha da vila.

Como dissemos, Madalena é um dos nomes mais populares do Brasil, tanto que foi cantado por outras composições, por exemplo: "MADALENA" composta por Ivan Lins e Ronaldo Monteiro, interpretado por vários artistas, como o próprio Ivan Lins e Elis Regina; também é o grande refrão em "ROMANCE NO DESERTO" (versão de "ROMANCE IN DURANGO" de Bob Dylan) cantada por Fagner e mais tarde relançada por Amado Batista; esse nome também é lembrado por Sidney Magal em sua exótica "SANTA ROSA MADALENA"; tem ainda a dramática "MADALENA" de Gilberto Gil.

Por hora, então, vamos curtir um bom samba e exaltar a Madalena do Jucu!



"MADALENA"
Martinho da Vila

Madalena, Madalena
Você é meu bem querer
Eu vou falar pra todo mundo
Vou falar pra todo mundo
Que eu só quero é você
Eu vou falar pra todo mundo
Vou falar pra todo mundo
Que eu só quero é você

Minha mãe não quer que eu vá
Na casa do meu amor
Eu vou perguntar a ela
Eu vou perguntar a ela
Se ela nunca namorou
Eu vou perguntar a ela
Eu vou perguntar a ela
Se ela nunca namorou

Oh! Madalena

Refrão

O meu pai não quer que eu case
Mas me quer namorador
Eu vou perguntar a ele
Eu vou perguntar a ele
Porque ele se casou
Eu vou perguntar a ele
Eu vou perguntar a ele
Porque ele se casou
Madalena

Refrão

Eu fui lá pra Vila Velha
Direto do Grajaú
Só pra ver a Madalena
E ouvir tambor de congo
Lá na barra do Jucu
Só pra ver a Madalena
E ouvir tambor de congo
Lá na barra do Jucu
Oh! Madalena

Refrão



Origem e significado de Madalena

Madalena: Significa "a que vive na Torre de Deus", "habitante de Magdala".

Maria Madalena (ou, Maria de Magdala)
O nome Madalena chegou ao português através do grego Magdaléne, que significa "a que vem de Magdala" ou "a que habita em Magdala". Magdala era o nome de uma aldeia junto ao Mar da Galileia, que em hebraico significa "torre". Alguns estudiosos dizem estendem ao significado de "Torre de Deus", que também é aceitável.

O nome Madalena se tornou popular por influência de Maria Madalena, personagem bíblica mencionada no Novo Testamento e que recebeu este nome por ser chamar Maria e ser de Magdala. Chegou à Inglaterra como um nome cristão por voltar do século XII, tornando-se muito comum na Idade Média em razão da popularidade da santa Maria Madalena, principalmente através das variantes Madeline e Madeleine.

Madalena Teresa da Suécia


Além, é claro, da personagem bíblica, Maria Madalena, há muitas famosas xarás, inclusive na nobreza europeia, por exemplo, Madalena de Valois, rainha da França e rainha consorte da Escócia no século XVI; Madalena da Saxônia, princesa da Dinamarca; e Madalena Teresa, princesa da Suécia


Madalena Brandão


Em Portugal, esse é um nome igualmente muito comum, inclusive no meio artístico, por exemplo: Madalena Iglesias,uma das mais consagradas cantoras da velha guarda; Madalena Coelho, famosa pintora; Madalena Brandão, atriz.